sábado, 12 de novembro de 2011

estaremos mil

entre horas
entre segundos
entre segundas
podemos ser

entre vida
entre mistério
entre a aquarela
podemos estar

entre zinco
entre cálcio
entre potássio
pra sempre estaremos?

8 comentários:

Nina Boom disse...

Sempre estaremos contando o tempo...

Hysteria Project disse...

muito boa a poesia...
mas não entendi a ultima estrofe xD

www.Mundodse.com disse...

Muito boa poesia. Estaremos mil, sempre... =]

Lucas Adonai disse...

Muito legal ;D

Gabriel P. Knoll disse...

Ok... não entendi.. assim como toda e qualquer poesia.

OGROLÂNDIA disse...

no final das contas sempre estamos.
de zinco a potássio, passando por toda a tabela periódica.

Pedro disse...

LOL '
Poesia bem estranha essa '-'
Bom, não entendi a mesma...
Quem entendeu me explica?
Grato e.e

Camila . disse...

Nunca estamos...