segunda-feira, 25 de outubro de 2010

e o que traz a beleza?
e o que traz a peneira
peneira o pó
peneira o abuso
provoca a cara de desuso
do marciano contribuinte
filha da puta e verme ausente
cria um calo em seu pescoço
se tudo não virar somente osso
ele estará a salvo

deletar coisas velhas
foi a questão que o arremessou
arremessado
e ainda não sabe
se deve deletar aquilo ou não
o alívio de deletar e a prudência de não perder
o que será, transeunte?

morra mais
você simplesmente não sabe se deve deletar
não o faça por enquanto...
você proibiu o acesso a tal pacote de textos
se alguém der um jeito de visitar, problema dele
mas, ainda assim, não sei se devo deletar
puta, que desgraça
eu não merecia isso
não vou deletar porra nenhuma não
vai que depois eu me arrependa...

3 comentários:

Macaco Pipi disse...

belo texto pra uma segunda braba!

Arash Gitzcam disse...

deletar n, selecionar sim...

Vanessa disse...

"o que gosta mesmo é de brincar com as letras
ver surgir um significado amplo, até mesmo abstrato"
A mais pura verdade. O que é o poeta senão alguém que joga com as frases? Não é isso que ele faz com a rima, por exemplo? O poeta é aquele que transporta musicalidade ao texto. Parabéns a todos eles!