quinta-feira, 10 de junho de 2010

dias a dias
noites à noite
uma só noite
uma só orgia

e ela queria
sim, ela queria
bem fundo
sem pêsame

flor da minha pastagem
e recheada de cogumelos
lacrada à pele nua
esconderijo do meu diamante

és, minha

3 comentários:

M!sunderstood disse...

Uiiii...Gostei...você escreve muito bem

se puder dá uma passada lá no meu blog

http://reflexo-da-alma.blogspot.com

beijos, m!sunderstood

Luiz Brisa disse...

opaa
uii ;p
rs
muito boa
xD

Karla Hack disse...

Achei criativa, sensual e envolvente!
Adorei!
;D